Pages

Como criar uma lista de contatos de e-mail?



Uma lista de contatos de e-mail é um banco de dados de pessoas com quem sua empresa deseja se relacionar, pois possuem o perfil desejado para se tornarem clientes. E uma lista de contatos bem qualificada faz a diferença na hora de calcular a eficiência e conversão em suas campanhas de e-mail marketing. Mas como criar uma lista qualificada do zero?

Comprar listas de contatos pode até parecer uma solução fácil e prática no início, mas existem diversos pontos negativos nesta solução, como; ineficiência, taxa de conversão negativa, e-mails incorretos ou não existentes, alta taxa de spam e até mesmo cancelamento de sua conta.

Criar sua própria lista de contatos pode ser trabalhoso, mas garantimos que a iniciativa funciona e traz resultados sólidos. Vamos mostrar como:

6 passos para criar uma lista de contatos de e-mail

  1. Ofereça material gratuito
  2. Crie e distribua conteúdo
  3. Faça pesquisa de mercado
  4.  Use as redes sociais
  5. Faça pesquisa de satisfação
  6. Busque indicações

1.       Ofereça material gratuito


Você não precisa sair dando seu produto ou serviço de graça. Calma! Existem diversos materiais que podem ser distribuídos gratuitamente sem prejudicar seu negócio, como: e-books, webnars, minicursos, etc.

Este material gratuito pode ser oferecido através de uma landing page (página de captura) em troca do cadastro do usuário, que irá informar seu nome e e-mail (e outras informações que deseja buscar) para ter acesso a este material.

Uma dica: Identifique as dúvidas de seus clientes e transforme essas dúvidas em um rico material de ajuda. Crie e-books, artigos, vídeos que tragam conhecimento sobre sua área de trabalho e ofereça este material em troca do cadastro deste usuário.

2.       Crie e distribua conteúdo


Antes de fazer qualquer compra significativa, costumamos pesquisar sobre o assunto na internet. Portanto, você deve criar conteúdos relacionados ao seu mercado de trabalho, um conteúdo que tire dúvidas de seus possíveis clientes, que os ajude em suas rotinas diárias, em seu trabalho, em sua casa.

Convide seus clientes a se cadastrarem em sua newsletter para receberem estes conteúdos por e-mail, semanalmente, mensalmente, trimestralmente (o período dependerá do seu ramo de trabalho).

Uma dica: Crie um blog e uma caixa de cadastro de newsletter em seu site. Divulgue em seu site, trechos de alguns artigos e convide os usuários a se inscreverem para saber mais sobre o conteúdo do artigo, redirecionando-os a seu blog e criando maior confiança em sua empresa (pois, se ela tem tanto conteúdo, é porque ela entende mesmo do assunto, né?!).

3.       Faça pesquisa de mercado


Crie um questionário relacionado ao nicho de mercado de sua empresa. Identifique os melhores pontos da cidade, onde seu público costuma frequentar e aborde seu público. Peça a eles que participem da pesquisa e dê a opção para que se inscrevam em sua newsletter para receber novidades sobre o assunto, deixando seus e-mails de contato.

Uma dica: Crie um questionário simples e prático e utilize-o para identificar novas dúvidas sobre seu mercado de trabalho, para que possua mais base para criar conteúdos para os passos 1 e 2.

4.       Use as redes sociais


Utilize as redes sociais para divulgar seu conteúdo, gerar acesso ao seu site, blog ou landing page e também criar questionários.

5.       Faça pesquisa de satisfação


Peça a seu cliente para responder a uma pesquisa de satisfação. Desta forma sua empresa pode identificar os pontos negativos e positivos e trabalhar estes pontos a seu favor, melhorando seus serviços e criando mais conteúdo. Além, é claro, de solicitar que este cliente forneça seu contato de e-mail.

Uma dica: Ofereça uma vantagem para que este cliente faça sua pesquisa de satisfação, como um desconto em uma próxima compra, por exemplo. Peça permissão para utilizar o depoimento deste cliente em seu site, blog ou landing page, e utilize este depoimento para criar mais credibilidade para sua empresa.

6.       Busque indicações


É um processo muito simples, que não deixa de ter seu valor. Um cliente atual também pode te trazer novos clientes. O famoso boca-a-boca sempre funcionou e não é agora que vai deixar de funcionar. Peça indicações a seus clientes. Pelo menos um deles conhecerá outra pessoa que possa se interessar por seu produto ou serviço.

Mas, para que este processo seja possível, é importante manter uma boa relação com seus clientes, um bom atendimento, um bom produto ou serviço, e uma boa interação pós venda.

Leia também p artigo:

Como descobrir meu público alvo


Uma lista de contatos está em constante atualização. Novos contatos podem surgir todos os dias, basta saber como identificá-los. Para isso é preciso conhecer bem o seu público-alvo.

Estas são as melhores práticas para se criar uma lista de contatos de qualidade, sem um custo elevado. Espero que tenhamos ajudado e boa busca!

Carolina Cordoval Melo - Redatora Web - Integrate Software e Technology

Redatora Web pela empresa Integrate Software e Technology especializada em Inbound Marqueting e Marqueting de Conteúdo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário